Flávio Dino afirma que Anvisa autorizou entrada de 38 indianos no Maranhão

Do G1MA

Estrangeiros estão hospedados em hotel de São Luís e, segundo o Governo do Maranhão, cumpriram protocolos sanitários para entrada no país.

Por G1 MA — São Luís

 


Flávio Dino afirma que Anvisa autorizou entrada de 38 indianos no Maranhão — Foto: TV Mirante

Flávio Dino afirma que Anvisa autorizou entrada de 38 indianos no Maranhão — Foto: TV Mirante

O Governo do Maranhão informou, nessa terça-feira (26), que 38 indianos que estão hospedados em um hotel de São Luís foram submetidos a testes de Covid-19. Segundo o governador Flávio Dino, essa foi uma medida de precaução adicional, já que os estrangeiros possuem autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para permanecerem no Brasil.

O estado justifica essa retestagem como medida preventiva, já que no último dia 20 de maio foi confirmada a presença da variante indiana da Covid-19 (chamada de B.1.617).

"Compete ao Governo Federal, no caso à Anvisa, efetuar o acompanhamento dessas tripulações estrangeiras tanto de aviões quanto de navios. Neste caso, essas pessoas entraram no Brasil por um aeroporto que não foi o nosso, mas com autorização da Anvisa. Eles têm autorização sanitária do Governo Federal. Ainda assim, como existe uma preocupação adicional, nós enviamos uma equipe ao hotel e fizemos uma testagem de todos os hóspedes e toda a equipe do hotel", explicou o Governador do Maranhão.

O Governo do Maranhão não informou por qual aeroporto os estrangeiros chegaram ao Brasil e para onde iriam após sair de São Luís, mas reforçou que a autorização sanitária que garante a permanência deles no país inclui o "exame negativo de RT-PCR para Covid-19".


Veja, abaixo, a nota divulgada pelo Governo do Maranhão:

O Governo do Maranhão vem informar que:

  1. Compete à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), órgão do Governo Federal, o controle e a autorização de embarque e desembarque no país, como determina o seu protocolo de maio de 2020;
  2. Na tarde desta terça-feira (25), o Governo do Estado recebeu comunicação oficial da Prefeitura de São Luís informando a presença de uma tripulação composta por 38 indianos hospedados em hotel na capital que, segundo o Governo Federal, cumpriram os requisitos do protocolo para entrada em solo nacional, dentre os quais exame negativo de RT-PCR para Covid-19;
  3. Tão logo informado pela prefeitura, o Governo do Maranhão enviou equipe que realizou testes do tipo RT-PCR nos tripulantes, funcionários e hóspedes do referido hotel;
  4. A equipe da Vigilância Estadual encaminhou os testes para o Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (LACEN/MA), para posterior envio ao Instituto Evandro Chagas;
  5. Em face deste fato, mesmo respeitando que no caso de portos e aeroportos a fiscalização é federal, o governador do Estado está editando Decreto com uma camada adicional de fiscalização, em complementação ao trabalho do Governo Federal. Com isso, todos os navios, portos e hotéis passam a ser obrigados a notificar à Vigilância Sanitária Estadual os casos de embarque, desembarque e hospedagem de tripulantes estrangeiros que podem, eventualmente, implicar na proliferação de novas variantes do coronavírus.


Comentários