Jornalista que tentou matar ex-namorada e atirou contra a própria cabeça morre após cirurgia




O jornalista e empresário José Marcondes, o Muvuca, de 46 anos, morreu na noite desta segunda-feira (28) em Tangará da Serra — Foto:Facebook


O jornalista e empresário José Marcondes, o Muvuca, de 46 anos, morreu na noite desta segunda-feira (28) após passar por cirurgia. Ele precisou ser submetido ao procedimento após atirar contra a própria cabeça depois de tentar matar sua ex-namorada, em Tangará da Serra, a 243 km de Cuiabá. Segundo a delegacia que investiga o caso, ele não aceitava o fim do relacionamento.

A informação da morte foi divulgada pelo Hospital das Clínicas, onde ele estava internado. Ele morreu às 21h10.

Pouco antes da cirurgia, a mãe dele havia dito que os médicos a alertaram que a chance dele sobreviver era pequena, dada a gravidade da situação.

Familiares organizaram o translado do corpo para Cuiabá, onde será realizado velório e enterro.

A farmacêutica Nadia Mendes Vilela, de 33 anos, estava trabalhando quando foi surpreendida pela chegada do ex-namorado no seu estabelecimento. Eles discutiram nos fundos da farmácia. Em seguida, ele atirou três vezes na vítima, que tentou correr e fugir, mas acabou atingida.

Nadia Mendes Vilela foi atingida com três disparos de arma de fogo — Foto: Divulgação


Cirurgias na boca e no tórax

Nadia foi internada no Hospital Santa Ângela, no mesmo município onde o crime aconteceu. Ela passou por duas cirurgias, uma na boca e outra no tórax.

A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Tangará da Serra informou que o crime foi cometido porque o homem não aceitava o fim do relacionamento.

José Marcondes Muvuca foi candidato ao governo em 2014 — Foto: Reprodução/TVCA

Segundo a família do jornalista, o relacionamento dele com a farmacêutica durou de dois a três anos, entre várias idas e vindas.

Muvuca foi candidato a governador do estado, em 2014, pelo PHS. Ele teve a candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral e teve 1.713 votos.

Comentários