Polícia Federal deflagra operação contra fraudes em licitações de saúde em São Luís

Polícia Federal deflagra operação contra fraudes em licitações de Saúde em São Luís — Foto: Divulgação/ PRF

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira (8) a Operação Alinhavados, de combate a fraudes licitatórias e irregularidades contratuais no âmbito da Secretaria Municipal de Saúde de São Luís, en 2020, envolvendo verbas federais que seriam utilizadas no combate à pandemia COVID-19, nas cidades de Codó, Brasília (DF) e Boa Vista (RR).

De acordo com a PF, inicialmente, foi constatada a “montagem” em, ao menos, quatro processos licitatórios instaurados, em 2020, pela Secretaria de Saúde de São Luís para a contratação de insumos destinados ao combate à COVID-19. Ainda de acordo com a PF, o grupo utilizou diversos mecanismos de fraudes para maquiar as irregularidades dos certames licitatórios, que teriam sido deflagrados com o ajuste prévio das empresas vencedoras. A ação gerou o prejuízo milionário aos cofres públicos.

 Foto: Divulgação/ PRF

Segundo a PF, 30 policiais federais cumpriram cinco mandados de busca e apreensão e cinco mandados de contrição patrimonial expedidos pela 1ª Vara Federal de São Luís.

O cumprimento da Constrição Patrimonial tem como objetivo a apreensão e o sequestro de bens (ativos financeiros, veículos e imóveis) num valor total de até R$ 3,2 milhões, quantia que teria sido recebida de forma ilícita.

Mesmo envolvendo a antiga gestão, o G1 pediu posicionamento da prefeitura de São Luís sobre as acusações da PF e aguarda retorno.

Comentários