Técnica em enfermagem é presa em flagrante por desvio de remédios em hospitais no MA

Foto: Policia Civil

A Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da Equipe de Plantão da 21ª Delegacia Regional de Cururupu, a 465 km de São Luís, prendeu nesse sábado (24) em Cururupu, a 465 km de São Luís, uma técnica de enfermagem, que não teve a sua identidade revelada, após ela desviar medicamentos em hospitais situados nas cidades de Guimarães e Porto Rico.

Segundo a polícia, foram realizadas buscas na residência da técnica, onde foram encontrados pelos policiais uma grande quantidade de remédios tais como ampolas de diazepam, diclofenaco, dexametazona, bromoprida, dipirona, dentre outros medicamentos, além de seringas, gaze e outros materiais hospitalares.

Ao ser questionada pela polícia sobre a aquisição dos medicamentos e materiais hospitalares, a presa disse que por ser técnica de enfermagem, tratava de pessoas que moravam próximo à sua residência, sendo que tais medicamentos foram retirados dos hospitais em que trabalha como servidora pública municipal, tanto na cidade de Guimarães, como na cidade de Porto Rico.

De acordo com a técnica de enfermagem, os medicamentos eram utilizados para serem aplicados em pessoas que moravam próximo de sua residência e que nunca havia cobrado para fazer tais serviços com a medicação de retirava dos hospitais.

Ela foi autuada pelo crime de peculato e encaminhada para uma Unidade Prisional de Ressocialização (UPR), onde ficará à disposição da Justiça.

Crime de Peculato

O crime de peculato consiste na subtração ou desvio, por abuso de confiança, de dinheiro público ou de coisa móvel apreciável, para proveito próprio ou alheio, por funcionário público que os administra ou guarda; abuso de confiança pública. A pena por este crime pode variar e dois a 12 anos, mais multa.




Fonte:G1


Comentários