Minha Casa Melhor atinge a marca de 200 municípios do Maranhão beneficiados neste sábado (7)

As pessoas sorteadas não precisam sair de suas casas para receber os cartões do programa. (Foto: Karlos Geromy/Divulgação)


Iniciado no dia 6 março de 2021, o programa Minha Casa Melhor já beneficiou maranhenses de 188 municípios. No próximo sábado (7), véspera do Dia dos Pais, a iniciativa atingirá a marca de 200 cidades alcançadas com o auxílio financeiro, quando serão sorteadas mais 1.900 famílias, desta vez das cidades de Santa Luzia (400 sorteados), Paulo Ramos (100), Vitorino Freire (200), Marajá do Sena (100), Olho d’Água das Cunhãs (200), Bom Lugar (100), Pio XII (200), Satubinha (100), Bela Vista do Maranhão (100), Brejo de Areia (100), Altamira (100) e Alto Alegre do Pindaré (200).

Toda semana, o programa Minha Casa Melhor realiza sorteios de cartões individuais no valor de R$ 600, para que famílias de baixa renda tenham acesso a móveis, eletrodomésticos, utensílios para o lar ou gás de cozinha, como estratégia para mitigar, nos lares maranhenses, os efeitos econômicos e sociais da pandemia.

Até o dia 18 de agosto deste ano, data do último sorteio do programa, mais de 45 mil famílias de baixa renda de todos os 217 municípios do Maranhão receberão o apoio financeiro concedido via Minha Casa Melhor.

A secretária-adjunta de governo e coordenadora do programa Minha Casa Melhor, Cricielle Muniz, comemorou o resultado positivo da iniciativa, que aquece a economia, levando dignidade e direitos essenciais aos maranhenses que mais precisam.

“Estamos muito satisfeitos com os resultados do programa Minha Casa Melhor que está chegando em 200 municípios e logo contemplando todo o estado do Maranhão. Isso mostra o compromisso do governo, sob a liderança do governador Flávio Dino, com a garantia de direitos e a dignidade das nossas famílias maranhenses”, avalia a secretária.

Integrante do programa Cheque Minha Casa, política pública que visa estimular a economia e a atividade comercial, o Minha Casa Melhor sorteia automaticamente pessoas inscritas no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal). Ou seja, não é necessário fazer inscrição para participar dos sorteios.

As pessoas sorteadas também não precisam sair de suas casas para receber os cartões do programa, que são entregues no domicílio dos sortudos, por meio de equipes do Corpo de Bombeiros.

Outro aspecto importante da estratégia é a movimentação do comércio local em cada município onde há sorteados pelo programa. As compras com o cartão do Minha Casa Melhor só podem ser realizadas em estabelecimentos comerciais previamente cadastrados, garantindo que o dinheiro utilizado nos cartões caia direto na conta dos lojistas.

Comentários