Após ficar presa entre paredes de casa, cadela é resgatada pelos bombeiros em Santa Inês

Cadela ficou presa entre paredes, mas saiu bem após o resgate — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Uma cadela vira-lata ficou presa entre as paredes de duas casas e precisou ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros em Santa Inês, a cerca de 300 km de São Luís.

Segundo os bombeiros, o caso foi registrado na manhã desta quinta-feira (14), na Rua Curió, Parque Santa Cruz. A cachorrinha estava em uma situação delicada, de cabeça para baixo, e com a cabeça presa.

"Ela estava lá desde a madrugada. Quando chegamos, a cadela já estava bem fragilizada, latindo bem fraquinho. A gente ficou bem preocupado", afirmou o aspirante Jhonatan Amaral, que participou do resgate.

Cadelinha resgatada saiu sem ferimentos — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros


Além do aspirante Amaral, participaram do resgate o cabo Alencar e os soldados Bacelar e Bismarck, que são da 9ª Companhia Independente do Corpo de Bombeiros. Com bastante cautela, eles puxaram a cadela com segurança, usando uma corda.

"Ninguém sabe como ela [cadela] entrou lá, mas não achamos que alguém colocou. Ela tentou passar e acabou ficando presa. Teve alguns pequenos cortes no corpo quando resgatamos, mas logo depois do resgate, ela saiu andando sozinha. A gente até pensou em ficar com ela, levar para o quartel, já que é de rua, mas ela saiu correndo", disse Amaral.

Equipes dos bombeiros trabalhando para retirar a cadela entre as paredes das casas — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Cachorrinha resgatada saiu sem ferimentos — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros



Fonte: G1

Comentários