Garoto de programa se passa por policial para atrair clientes e vai preso

Crédito: PCSC/Divulgação/ND


Um homem de 27 anos, que se passava por policial civil, foi preso em flagrante na manhã deste sábado (6), no Oeste Catarinense. O fato ocorreu em Chapecó, no bairro Vila Real.

A operação da Polícia Civil contou com a participação da Guarda Municipal da cidade. No momento do flagrante, foram encontradas diversas roupas utilizadas pela Polícia Civil de Santa Catarina.

De acordo com informações do site de notícias ND Mais, durante o interrogatório, o homem afirmou que é garoto de programa e, com o uso das roupas da instituição, conseguia mais clientes mulheres. O homem cobrava pelo programa R$300 a hora.

“O investigado responderá pelas infrações penais previstas no Art. 45 e 46, da Lei de Contravenções Penais, relacionadas ao fato de fingir- se funcionário público e usar, publicamente, uniforme ou distintivo de função que não exerce”, afirmou a Polícia Civil do Estado.





Fonte: NDMAIS

Comentários