Braide anuncia abertura de dois novos centros de atendimento em combate as síndromes gripais

Prefeito de São Luís, Eduardo Braide, anuncia abertura de dois novos centros em combate as síndromes gripais em São Luís — Foto: Divulgação/Prefeitura de São Luís


O prefeito de São Luís, Eduardo Braide (Podemos), anunciou nesta segunda-feira (3) a abertura de mais dois Centros de Atendimento às Síndromes Gripais Leves devido ao aumento de casos de H1N1 e H3N2. A ação, de caráter emergencial, também tem como objetivo evitar o surgimento de casos de Covid-19 na capital maranhense.

Em entrevista coletiva, o prefeito explicou que os dois novos centros vão entrar em funcionamento a partir dessa quarta-feira (5) e serão localizados no Centro de Saúde Janaína, no bairro Vila Janaína e no Centro de Saúde Thalles Ribeiro, no bairro Vila Esperança.

Os serviços médicos serão ofertados diariamente, das 8h às 17h. Além dos dois novos centros, os atendimentos estão sendo ofertados nos Centros de Saúde Carlos Macieira, na Avenida dos Africanos; Genésio Ramos Filho, no bairro Cohab Anil IV e Clodomir Pinheiro, no bairro Anjo da Guarda.

De acordo com o prefeito, as ações são complementares ao Plano Municipal de Enfrentamento às Síndromes Respiratórias e tem como objetivo, evitar o surgimento de novos casos das síndromes gripais, evitando a superlotação da rede municipal de saúde.

“Essas ações são um complemento do plano municipal de enfrentamento às síndromes respiratórias em nosso município. Mais uma vez, estamos saindo na frente e estruturando nossa rede municipal de saúde para atender os ludovicenses que apresentem quadro gripal, já que estamos entrando em uma época do ano caracterizada pela prevalência dos casos de Influenza. Além disso, também estamos fortalecendo nossas políticas de combate à Covid, de modo a evitar o surgimento de novos casos”, disse Eduardo Braide.

Outras ações preventivas

Ações anunciadas pelo prefeito Eduardo Braide são em combate as síndromes gripais leves em São Luís (MA) — Foto: Divulgação/Prefeitura de São Luís


Na ocasião, o prefeito anunciou que, a partir desta semana, as unidades mistas dos bairros Bequimão, São Bernardo, Itaqui-Bacanga e Coroadinho; a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Rural e o Socorrinho, no bairro São Francisco, farão o acolhimento, pré-triagem e encaminhamento dos pacientes com sintomas característicos do novo coronavírus.

Caso o paciente teste positivo para a Covid-19, o atendimento será prioritário. Se houver necessidade de internação, os adultos serão encaminhados para o Hospital da Mulher, em casos graves e para a Unidade Mista do Bequimão, em casos moderados.

As crianças que testarem positivo e precisarem ser internadas, serão encaminhadas para o Hospital da Criança, na Avenida dos Franceses, no bairro Alemanha. Para pacientes com sintomas leves, estes ficarão em isolamento domiciliar, sendo assistidos com consulta, prescrição e atestado médico.

Segundo Braide, a medida é considerada preventiva já que, até o momento, não há nenhum paciente com Covid-19 internado na rede municipal de saúde da capital maranhense.

Testagem contra a Covid-19

Além disso, o prefeito anunciou que seguirá sendo realizada a testagem contra a Covid-19 nos cinco Terminais de Integração de São Luís (Cohab/Cohatrac, Distrito Industrial, São Cristóvão, Cohama e Praia Grande).

O serviço vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A testagem também continuará sendo ofertada nos pontos anteriormente anunciados.





Comentários