Greve dos rodoviários entra no seu 4º dia na Grande São Luís

Greve dos rodoviários entra no seu 44º dia na Grande São Luís — Foto: Olavo Sampaio/TV Mirante

A greve dos rodoviários entrou nesta quarta-feira (30) no seu 44º dia na Grande São Luís. Uma audiência de mediação entre rodoviários e empresários do transporte público de São Luís, visando algum acordo que possa colocar fim na greve dos motoristas e cobradores está marcada para acontecer nesta quarta-feira (30), às 15h, na sede do Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão, no bairro Areinha, na capital.

Nessa terça-feira (29), uma decisão da desembargadora Márcia Andrea determinou que seja mantido 60% da frota do transporte público durante a greve dos rodoviários na Grande Ilha de São Luís. Em caso de descumprimento, os sindicatos dos rodoviários e dos empresários estão sujeitos a uma multa de R$ 50 mil .

No entanto, ao g1 Maranhão, o Sindicato dos Rodoviários afirmou que vai manter a paralisação, mesmo ciente da determinação judicial.

Reinvindicações


Justificando a paralisação, os rodoviários pedem um reajuste de 12% nos salários, jornada de trabalho de seis horas, tíquete de alimentação no valor de R$ 800, manutenção do plano de saúde e a inclusão de um dependente e a concessão do auxílio-creche, para trabalhadores com filhos pequenos.

A Prefeitura de São Luís chegou a propor o auxílio emergencial ao setor de transporte público neste mês de fevereiro, destinando mais R$ 2,5 milhões (auxílio direto) e R$ 1,5 milhão, por meio do programa 'Cartão Cidadão', ao setor de transporte, mas os rodoviários decidiram iniciar o movimento devido a um impasse salarial com os empresários.


Fonte: G1

Comentários