SINPROESEMMA DESMENTE FAKE NEWS E DENUNCIA DESESPERO DE OPOSITORES!

 


O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Maranhão, SINPROESEMMA, vem a público denunciar que está sendo vítima de fake news espalhadas por grupos de mensagens e redes sociais. Desta vez o desespero dos opositores dos trabalhadores e trabalhadoras em educação foi ao extremo ponto de CRIAR, um documento falso, de forma inescrupulosa, uma espécie de "pacto", com o governo do Maranhão, algo que só gente da espécie dos acusadores seria capaz de fazer. Prática nefasta, que a direção do SINPROESEMMA REPUDIA VEEMENTEMENTE e que jamais em tempo algum seria capaz de realizar!


Alertamos a sociedade que estamos em ano eleitoral, motivo pelo qual alguns políticos inescrupulosos, aliados a alguns rejeitados pela categoria, tentam fazer uso do tema Educação, para obter vantagens e "alavancar" suas campanhas eleitoreiras, como se isso fosse possível, pois a população maranhense já conhece essas figuras carimbadas que utilizam desse tipo de prática criminosa!

Entenda o caso e confira a nota do SINPROESEMMA:

Circula nas redes sociais um “suposto acordo entre o Sinproesemma e o Governo do Estado” para ser “celebrado” sobre a Campanha Salarial 2022 e que, supostamente, deveria ser publicado no Diário Oficial do Maranhão.


O Sinproesemma esclarece que:


1 – A direção do Sinproesemma não tem nenhum conhecimento desse “falso protótipo de acordo”;

2 – Em nenhum momento a direção do Sinproesemma fez qualquer tipo de acordo espúrio com o Governo do Estado e deixou de cobrar os direitos dos trabalhadores em educação do Maranhão;

3 – A direção do Sinproesemma sempre se pautou no diálogo franco com o governo do Estado e o teor de todas as mesas de negociação foram amplamente divulgados nos canais oficiais de comunicação do Sindicato;

4- Que todos os documentos enviados ao Sinproesemma e recibados estão em papel timbrado, carimbado e assinado;

5 – De forma vil e asquerosa tentam enganar a categoria com Fake News e imputar ao Sindicato um suposto acordo que, entre outros absurdos, se negaria a realizar manifestação, paralisação ou greve por um período de um ano;

6 – O Sinproesemma repudia fortemente esse tipo de armação que tenta diminuir as conquistas dos Trabalhadores em Educação do Maranhão, principalmente em uma época onde os direitos dos trabalhadores estão sendo duramente atacados;

7 – Diante de mais essa mentira descarada, o Sinproesemma rechaça essa palhaçada divulgada por bandidos com interesses políticos e particulares e de quem aposta na “política do quanto pior melhor” para tentar diminuir a luta e as conquistas do Sinproesemma para a sua categoria;

8 – Que diante dessa infundada acusação, o Sinproesemma tomará as medidas judiciais cabíveis para punir os responsáveis por essas inverdades.



São Luís, 09 de março de 2022




A Diretoria


Comentários