Sampaio perde nos pênaltis e está fora da final do 2º turno

O Cordino venceu por 4 a 2, com gols de Everton, Leone, Paulo Victor e Ulisses. (Foto: Ronald Felipe/Divulgação)

O Cordino é o primeiro clube finalista do 2º turno do Campeonato Maranhense. O representante da cidade de Barra do Corda empatou com o Sampaio Corrêa por 1 a 1 no tempo normal, mas saiu de campo vencedor nas cobranças de tiros livres direto da marca do pênalti por 4 a 2.

O goleiro Dida foi o grande herói, defendendo as batidas de Mateusinho e Luís Paulo. Nesta quarta-feira sai o outro finalista no jogo Iape x São José, às 15h30, no Castelão.

O primeiro tempo terminou com o placar de 1 a 0 para o Sampaio. Na primeira jogada de ataque do Tricolor, aos 4 minutos, Pará bateu o escanteio e Lucas Araújo cabeceou no canto direito do goleiro Dida.

A equipe do Cordino, porém, não se intimidou e foi ao ataque. Aos 14 minutos, Everton Silva cobrou falta e obrigou Luís Daniel a fazer difícil defesa, desviando a bola para escanteio. Aos 24 minutos, Pimentinha (de bicicleta) tentou ampliar, mas o chute saiu sem força e o goleiro defendeu com facilidade.

O Cordino insistiu no ataque e Ulisses quase empata, batendo de primeira e exigindo outra boa defesa do goleiro boliviano. A equipe local pressionou até os instantes finais da etapa inicial, mas não conseguiu igualar o marcador.

2º tempo


Na etapa final, logo aos 5 minutos, na cobrança de um escanteio pela esquerda do ataque do Cordino, a bola desviou no braço do zagueiro Nilson Júnior. Pênalti cobrado por Ulisses: 1 a 1. A partida prosseguiu com o time de Barra do Corda se lançando ao ataque e deixando espaços para os contragolpes, mas, descoordenado, o Sampaio não chegava a uma boa finalização.

Somente aos 45 minutos, um chute longo de Soares obrigou o goleiro Dida a espalmar para repor a bola em jogo. Com as duas equipes muito precavidas e tendo medo de tomar o gol, a partida foi encerrada com o placar igual.

Penalidades


Na cobrança de tiros livres, direto da marca do pênalti, brilhou a estrela do goleiro Dida, que defendeu duas vezes as batidas de Mateusinho e Luís Paulo. O Cordino venceu por 4 a 2, com gols de Everton, Leone, Paulo Victor e Ulisses.

Fonte: G1MA

Comentários