Governo Bolsonaro tira R$ 90 milhões de auxílio a famílias pobres para dar trator a aliados

Bolsonaro diz que EUA concederam cota maior para açúcar; setor minimiza (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)

247 - O governo Jair Bolsonaro (PL) retirou R$ 89,8 milhões que seriam usados para reduzir o impacto da pandemia de Covid-19 em comunidades pobres e destinou o recurso para a compra de tratores, informa a Folha de S. Paulo.

Os equipamentos foram adquiridos pelo Ministério da Cidadania no âmbito de uma ação voltada a famílias de extrema pobreza da zona rural.

Em junho, o Tribunal de Contas da União (TCU) permitiu que sobras da transição do Bolsa Família para o Auxílio Brasil fossem liberadas, mas seu gasto tinha uma condição: "[o dinheiro] deverá ser direcionado exclusivamente ao custeio de despesas com enfrentamento do contexto da calamidade relativa à pandemia de Covid-19 e de seus efeitos sociais e econômicos e que tenham a mesma classificação funcional da dotação cancelada ou substituída".

Foram comprados 247 equipamentos, ainda no apagar das luzes de 2021. A aquisição foi fechada sem nem haver definição da pasta sobre quais seriam os municípios beneficiados, o que denota a ausência de critérios técnicos.

No governo Bolsonaro, a compra de milhares de máquinas agrícolas se tornou motivo de crise. Políticos da base governista têm usado as emendas de relator do Orçamento para direcionar os equipamentos a suas bases eleitorais.

Neste caso, porém, a compra foi feita pela União, e não por congressistas.

Comentários